Com relação à administração municipal de Itapagipe, você acha que as ações da oposição:
Ajudam
Atrapalham
Não faz diferença





falecom@openhaus.com.br



25/Mar/2014 - 01:04
Apoio à agricultura familiar e mais três pedidos são feitos por Júlia

Cassiano Ricardo

 

Após os produtores itapagipenses perderem todos os contratos para fornecimento de verduras para a merenda escolar para uma cooperativa de produtores de Fernandópolis/SP, a vereadora Júlia Aleixa (PRB) apresentou indicação na reunião da Câmara do dia 18/03, pedindo que sejam implantados no município projetos para apoio e melhoria da Agricultura Familiar, sob a coordenação da Prefeitura Municipal.

 

O desejo de Júlia é que seja proporcionado melhor organização e desenvolvimento das associações de produtores existentes em Itapagipe, para fomentar a profissionalização e o desenvolvimento das mesmas. “Associação só na gaveta, não funciona”, ressaltou Júlia.

 

“Para que não aconteça o que aconteceu com a licitação da merenda escolar, onde uma cooperativa de Fernandópolis ganhou, porque apresentou bons produtos com melhor preço”, comentou.

 

“Para melhorar nossa agricultura familiar tem que ir atrás de projetos e recursos. E a prefeitura pode ajudar nisso. Eu estou disposta a ajudar no que for possível”. Salientou.

 

Placas de alerta

Na mesma reunião Julia também solicitou que sejam instaladas placas indicativas nas pontes que estão danificadas no município.

 

O objetivo, segundo ela, é alertar os usuários das estradas sobre as pontes que estão estragadas, evitando assim a ocorrência de acidentes, como o que causou a queda de um caminhão no ribeirão Moeda, no mês passado.

 

Outras

Também foi pedido por Júlia que seja designado um servidor para substituir o funcionário que trabalha como auxiliar (operário) na Vila Coqueiros, enquanto este estiver de férias.

 

Ela informou que o funcionário responsável por zelar (limpar) da praça, da escola e do cemitério saiu de férias e nenhum outro foi colocado para substitui-lo. O que gerou transtorno e sujeira.

 

“Este benefício foi solicitado pelos moradores tendo em vista que a necessidade é gritante porque a vila está precisando urgentemente de limpeza em vários setores.”

 

“Tiveram que convocá-lo para voltar ao serviço antes do final de suas férias”, contou.

 

Representação

Por fim, a vereadora apresentou Representação a ser encaminhada à Cemig, requerendo, após estudo técnico, a instalação de poste de energia elétrica no bairro Maria Aparecida Assis, de frente para a Avenida do Contorno.

 

Há muito tempo os moradores daquela localidade reclamam da escuridão e têm apresentado pedidos de solução para o problema.

 

“A gente recebe reclamações todos os dias. Esse assunto é quase que diário aqui nesta Câmara”, ressaltou Júlia. “A Cemig precisa observar mais nossa cidade. Existem muitos lugares escuros”.